Contribuição Sindical

A Contribuição Sindical Patronal é uma contribuição espontânea destinada a todas as empresas brasileiras e está prevista nos artigos 578, 579 e 580 da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). É calculada com base no capital social das empresas, sempre no mês de janeiro.

 

É importante esclarecer que a verba arrecadada com a Contribuição Sindical é de fundamental importância para o funcionamento do Sindicato. Um Sindicato sólido representa os interesses do empresariado. A contribuição, além de propiciar mais desenvolvimento, traz bons resultados para os seus representados.

 

A receita é distribuída entre as entidades sindicais que participam do sistema confederativo, sendo 60% para os Sindicatos, 20% para a conta especial de emprego e salário (Ministério do Trabalho), 15% para a FIEMG e 5% para a Confederação Nacional da Indústria (CNI).

 

 

Tabela da Contribuição Sindical para o Exercício de 2018.

Linha Classe de Capital Social (R$) Alíquota (%) Valor a Adicionar (R$)
1 De 0,01 a 15.690,82 125,53
2 De 15.690,83 a 31.381,64 0,80 0,00
3 De 31.381,65 a 313.816,45 0,20 188,29
4 De 313.816,46 a 31.381.644,79 0,10 502,11
5 De 31.381.644,80 a 167.368.772,19 0,02 25.607,42
6 De 167.368.772,20   Em diante 59.081,18