Contribuição Sindical

A Contribuição Sindical Patronal é uma contribuição espontânea destinada a todas as empresas brasileiras e está prevista nos artigos 578, 579 e 580 da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). É calculada com base no capital social das empresas, sempre no mês de janeiro.

 

É importante esclarecer que a verba arrecadada com a Contribuição Sindical é de fundamental importância para o funcionamento do Sindicato. Um Sindicato sólido representa os interesses do empresariado. A contribuição, além de propiciar mais desenvolvimento, traz bons resultados para os seus representados.

 

A receita é distribuída entre as entidades sindicais que participam do sistema confederativo, sendo 60% para os Sindicatos, 20% para a conta especial de emprego e salário (Ministério do Trabalho), 15% para a FIEMG e 5% para a Confederação Nacional da Indústria (CNI).

 

 

Tabela da Contribuição Sindical para o Exercício de 2020.

Linha Classe de Capital Social (R$) Alíquota (%) Valor a Adicionar (R$)
1 De 0,01 a 16.314,18 130,51
2 De 16.314,19 a 32.628,36 0,80 0,00
3 De 32.628,37 a 326.283,62 0,20 195,77
4 De 326.283,63 a 32.628.362,03 0,10 522,05
5 De 32.628.362,04 a 174.017.930,84 0,02 26.624,74
6 De 174.017.930,85   Em diante 61.428,33